- Início

- Conteúdo

Saúde No Mundo Corporativo

Coluna 160

Compartilhe Este Post

Eu atendo muitos líderes e constato frequentemente problemas de saúde que não foram nem ao menos diagnosticados, que estão latentes e que, sem dúvida nenhuma, interferem não só no seu desempenho, como principalmente na sua vida familiar, social e afetiva. E, durante muito tempo se estudou como melhorar os sintomas da baixa qualidade de vida, sempre numa visão corretiva e não preventiva. Mas, estamos preparados para viver mais e melhor? Em 1945 a expectativa de vida era de 43 anos. Em 2012, 75 anos, e em 2019, 77 anos. No entanto, as pessoas estão com estresse, estafadas, com insônia, diabetes e depressão. O Brasil tem a maior taxa de pessoas com transtornos de ansiedade e é o 5º maior em depressão.  Com base nessas estáticas e de acordo com o tipo de personalidade, temos formas de lidar com a nossa saúde e, através de observações diretas, o Eneagrama pode nos ajudar muito a entender tudo isso.

A partir desses dados e, em conjunto com a Cláudia Vaz, este texto originou-se de uma série de gravações, onde unimos Eneagrama com Aromaterapia, como uma forma de auxiliar as pessoas a cuidarem mais da sua saúde, a partir do reconhecimento de sua personalidade e dos principais cuidados que precisa ter para ter uma vida mais saudável, uma vez que, de acordo com o tipo de personalidade, temos formas de lidar com a nossa saúde e, através de minhas observações diretas, entendo que o Eneagrama pode nos ajudar muito a entender tudo isso. Para quem nunca ouviu falar em Eneagrama, sugiro que se inscreva e assista aos vídeos no nosso canal do Youtube, mas, de uma forma bastante sintética e simples, o Eneagrama é um mapa que possibilita entender os diversos tipos de personalidade e a forma como cada pessoa enxerga o mundo, bem como suas motivações, paixões e vícios emocionais.

A aromaterapia, por sua vez, é utilizada desde a pré-história para auxiliar nas diversas necessidades humanas e se utiliza dos óleos essenciais que são compostos aromáticos voláteis produzidos por plantas cuja função é a defesa e atração. E, para nós, o apoio à restauração e equilíbrio do corpo, mente e espírito.

Vamos então, discorrer sobre a forma que o Eneagrama e aromaterapia podem ajudar-nos.

O Eneagrama fala de 3 tipos de personalidades instintivas, 3 emocionais e 3 mentais. Comecemos pelos tipos instintivos, que são o tipo 8, 9 e 1 do Eneagrama.

Os tipos instintivos, de uma maneira geral, são pessoas que reagem por impulso, sem parar para pensar.  Enxergam o mundo de uma maneira instintiva.

As pessoas do tipo 8 do Eneagrama enxergam o mundo como tudo ou nada, 8 ou 80. Como podem prejudicar sua saúde? Por terem dificuldade em lidar com suas vulnerabilidades tendem a cometer excessos, prejudicando a saúde, em alguns casos podem cometer excessos na comida ou na bebida, como também nos exercícios físicos. Tendem a trabalhar muito, é o tipo de profissional que não vai ao médico com frequência, toma remédio só como última alternativa, e tendem a produzir o que se conhece como burn out. Outra possibilidade é de apresentarem dor nas costas, às vezes pressão alta, porque se pressiona facilmente com as coisas. Uma boa recomendação para o tipo 8 seria se permitir ser mais vulnerável, conhecer coisas e pessoas novas, passear livremente, deixar de lado o controle e conversar sobre suas dores e aflições. 

A International Stress Management Association (Isma-BR) estima que 32% dos trabalhadores brasileiros sofram com esse tipo de stress. Em um ranking de oito países elaborado pela Isma-BR, estamos à frente da China e dos Estados Unidos – e perdemos apenas para o Japão, onde 70% da população apresenta os sintomas do burnout. 

Segundo o MS, Burnout ou Síndrome do Esgotamento Profissional é um distúrbio emocional com sintomas de exaustão extrema, estresse e esgotamento físico resultante de situações de trabalho desgastante, que demandam muita competitividade ou responsabilidade. Cláudia Vaz sugere o OE Immortelle, ou sempre-viva (tem um efeito depurativo e ameniza a fadiga) e o OE de Hortelã-Pimenta (descongestiona a mente). 

Outro tipo instintivo, o tipo 9 conhecido como medidor, tende sempre a colocar os outros em primeiro lugar, perder o foco do que é importante para ele, ajudar de forma instintiva tudo e todos.  Em relação à saúde, é capaz de cuidar de todos menos dele mesmo. Para ele, os outros sempre precisam de mais ajuda, não levando muito a sério os exames periódicos e os controles médicos. Podem apresentar problemas gástricos e respiratórios que demonstram claramente a dificuldade que apresentam de expressão e de posicionamento. Nunca se preocupam com o tipo de energia que o alimento pode lhe trazer. Para essas pessoas, o exercício físico é muito importante para criar mais tônus muscular, desafios, corridas e, acima de tudo disciplina nas consultas médias e exames periódicos. Precisa colocar consciência na alimentação e buscar mais energia também na comida. Para as pessoas desse tipo, pode-se utilizar, em um aromatizador, durante o dia Hortelã-Pimenta (descongestiona a mente, dá foco), o Junípero (estimulante de circulação) e o Limão Siciliano (tônico sanguíneo). E, à noite, Capim Limão (analgésico), Limão Siciliano e Petitgrain (fortalece a autoconfiança e ajuda na auto aceitação).

As pessoas de personalidade tipo 1 do Eneagrama, por serem conhecidas como perfeccionistas, tendem a enquadrar o mundo em processos e procedimentos e fazer exatamente o que sempre fazem, evitando qualquer ida ao médico ou simplesmente não querendo ver de perto sua imperfeição.  Gostam muito de lavar as mãos com frequência e dificilmente terão uma infecção. Mas, com todo esse cuidado, podem não enxergar o que é essencial, tendendo a ser muito criteriosos. A raiva do tipo 1 é contida e é muito normal terem bruxismo (tensão na boca), dificuldade com o sono e má digestão.  As pessoas do tipo 1 precisam aprender a colocar a raiva para fora. Claudia Vaz sugere para esses tipos os OE de Manjerona (orégano) –  digestivo e expectorante, Laranja Amarga  – acalma e tranquiliza e  Gengibre – refrescante, clareia a mente, ajuda na desintoxicação para o período do dia e a noite colocar um aromatizador de ambiente com  Bergamota – poderoso sedativo, Laranja Amarga (da terra)– promotor de paz, calma e tranquilidade e Cedro – age nas terminações nervosas, responsável por monitorar a pressão sanguínea, usado como relaxante, sedativo.

Passemos agora aos tipos emocionais, os tipos 2, 3 e 4. As pessoas desses tipos tendem a ver o mundo pelo coração, as emoções impactam na forma como pensam e agem.

As pessoas que fazem parte do tipo 2 do Eneagrama usam o coração como forma de enxergar o mundo, são mais sensíveis, empáticas e mais intuitivas. De uma forma geral, a saúde dos tipos emocionais pode sofrer em função do impacto que as emoções lhe causam e, muitas vezes, sofrem pelos outros, causando uma série de consequências, pois sabemos que as emoções interferem diretamente no nosso físico. As pessoas desse tipo tendem a colocar os outros em primeiro lugar, preocupam-se com os filhos, colaboradores, amigos, familiares em geral. Sendo assim, tendem a minimizar o que sentem, Por outro lado, também sabem usar qualquer problema de saúde como forma de chamar atenção daqueles que amam, mas sem falar que precisam de algo.   São daquelas pessoas que podem falar que estão com uma determinada dor ou sintoma, mas, quando você pergunta, respondem que não faz mal, vai passar. Também são pessoas que, pela sensibilidade, podem sentir dores de cabeça, taquicardia, insônia (por preocupações as vezes infundadas) e depressão. Gostam de se movimentar porque prezam a beleza, o estar bem. O que o tipo 2 precisa fazer é pensar mais em si, fazer mais o que gosta sem se preocupar com os outros, diminuir essa sensibilidade exagerada e entender que pedir com clareza o que quer pode facilitar sua vida enormemente. Segundo Cláudia Vaz, para auxiliar o tipo 2 podemos utilizar os cítricos que são bons para acalmar/ relaxar ou ainda a Lavanda Verdadeira (Lavandula augustifolia )– a Alfazema – tem o Acetato de Linalila. A Lavanda, aqui no Brasil, é um aroma muito utilizado para bebes e recém-nascidos. A palavra lavanda vem do latim: lavare: de lavar. Podemos associar à época dos romanos que a usavam para perfurmar os banhos, relaxar, limpar o corpo e o espírito.  Na Aromaterapia, é usada pelo seu efeito analgésico – útil para dor de cabeça e como calmante. Inalação, escaldapés ou no banho, são formas de utilizar esses óleos essenciais.

As pessoas de personalidade tipo 3 no Eneagrama, conhecida como desempenhador, tem como slogan “o meu nome é trabalho”. Quando essas pessoas se cuidam fisicamente, o fazem muito mais para que não fiquem presos em uma cama e parem de trabalhar. Fazem academia, têm personal,  mas porque precisam cuidar da imagem e da aparência e, quando dormem, apagam, repousando o número de horas ideal para estar bem de novo no dia seguinte. Como tem uma energia invejável, dificilmente são vistos doentes ou falam de suas doenças. Tendem a colocá-las de lado e continuar trabalhando. O perigo é não se darem conta do excesso de trabalho e serem vítimas de um cansaço crônico, stress, mau humor, e daí para caminhar para a depressão é muito fácil. Por isso que, para o tipo 3, um grande remédio é colocar um pouco o pé no breque, parar de fazer e experimentar “ser”.  Cuidar-se não pela imagem e nem pelo trabalho, mas por si próprio. Levar a vida de uma maneira mais gostosa, leve. Sentir mais a vida, a natureza, com calma. Deixar o celular e o computador para o horário de trabalho e encarar de frente suas emoções. Como é um tipo muito focado, orientado para o sucesso e competitivo, podemos fazer com que use o seu potencial para criatividade, algo que dê leveza. Vamos para as sugestões de Cláudia: O Grapefruit (Toranja) – tem o limoneno – composto químico que estimula a criatividade, otimismo, clareza, além de relaxar – sair do estressado para criativo – traz a espontaneidade (já que o 3 tem muitas coisas nas costas). Como usar?  Todo dia, enquanto está se arrumando, pela manhã, coloque num aromatizador e depois saia para trabalhar

O último tipo emocional é o tipo 4, conhecido como romântico. Tem altos e baixos emocionais, uma hora se supervaloriza, outra hora se desvaloriza, inveja os outros, pode se achar menos e tem uma imensa criatividade e empatia. Tem uma imensa facilidade em cativar as pessoas. O sono do tipo 4 pode ser muito intenso ou pode ter insônia, dependendo do quadro emocional, e o mesmo pode acontecer com a alimentação, pode comer muito ou nada se está alegre ou triste. Mas é importante que o tipo 4 se equilibre o mais que puder para que o desequilíbrio emocional não cause estragos. De uma maneira geral, os tipos 4 não gostam muito de academia. Preferem conversar com um amigo. Terapia para esse tipo é indispensável e a dedicação para temas artísticos. Segundo Claudia, um óleo essencial que promove um equilíbrio sem ser um sedativo,  é o gerânio – geraniol. Podemos usar também o Néroli, Bergamota, colocando na mão e respirar (usando em casa, no trabalho, ou em qualquer momento que sentir estes sentimentos extremos).

Os tipos mentais são aquelas pessoas que usam a mente como forma de enxergar o mundo, são mais racionais, intelectuais e às vezes mais frios quando se fala em relacionamentos. De uma forma geral, a saúde dos tipos mentais pode sofrer exatamente por conta do impacto que a mente lhes causa e, muitas vezes, sofrem consequências de questões nem ao menos reais, mas criadas pela mente, por vezes focados no passado ou no futuro. A imaginação pode levar as pessoas desse tipo a prejudicar o corpo … quem já não ficou com dor de cabeça por se preocupar antecipadamente com uma reunião ou por ficar com dor de estômago em função de um feedback ainda não dado?  Para restaurar o equilíbrio, os óleos usados para os tipos mentais dever ser doces, calmantes e quentes, como canela, cânfora, eucalipto, bergamota e óleos calmantes, como sândalo, rosa e jasmim. É bom aplicar esses óleos misturados com óleos básicos de gergelim, ricina ou abacate. Outros óleos adequados para equilíbrio da mente são baunilha, lavanda, capim-limão, limão siciliano, gengibre e ylang ylang. Esses óleos essências facilitam a desintoxicação rápida e eficaz do corpo (ama), limpam o sangue e normalizam a digestão. No entanto, eles dever ser usados apenas para estabilizar e depois substituídos por óleos mais neutros. 

O tipo 5, mental, enxerga o mundo como um grande observador, como se precisasse observar tudo de longe, não invadindo e nem muito menos sendo invadido pelas pessoas em geral. Tende a ser bastante intelectualizado, gosta de estudar, mas prefere ficar mais sozinho do que partilhando momentos sociais. O tipo 5 se basta e tem dificuldade de lidar com as próprias emoções. Pode criar um mundo paralelo, distanciando-se da realidade. Pode desenvolver algumas doenças como depressão, esquizofrenia, autismo e, como não se preocupa muito com o corpo, precisaria cuidar mais do sono, do movimento e da alimentação (porque estar lendo ou estudando algo interessante). Segundo a Claudia, o ideal para o tipo 5 são os aromas cítricos muito utilizados para acalmar/relaxar. O OE de Lavanda verdadeira (Lavandula augustifolia )– a Alfazema – tem o Acetato de Linalila. A Lavanda, aqui no Brasil, é um aroma muito utilizado para bebes e recém-nascidos e que nossa memória olfativa lembra perfume e cheiro de bebe e limpeza. Ela sugere o OE de Vetiver para trabalhar a presença.  É um OE Aterrador, que acalma e nos incentiva a firmar os pés no chão, perceber o mundo ao nosso redor. E o OE de Sândalo – que traz a clareza mental. Acredita-se que estimula a glândula pineal – que regula os padrões de sono. Podemos usar com u aromatizador ou difusor.

O tipo 6 enxerga o mundo com muito ceticismo, desconfia, acaba sendo bastante crítico com tudo e com todos e às vezes tem muita dificuldade principalmente com o medo. Medo de decidir, podendo ter baixa autoestima e pela preocupação sempre antecipada. O tipo 6 pode apresentar muita ansiedade e medo, o que pode conduzir a estados de nervosismo, com muitas consequências para o físico, inclusive com contrações musculares, dores nevrálgicas e dificuldade de digestão, entre outros. É importante cuidar fundamentalmente do corpo e das emoções, personal, alongamentos, yoga e terapia.

Para Claúdia, o Olíbano – Frankincense, é especial que nos traz para a realidade. Esse óleo essencial foi muito famoso por ter sido um presente para o Menino Jesus – conecta você – muito usado em religiões – Tem um aroma de conforto – que abraça. Era e é muito usado em cerimonias religiosas para auxiliar na meditação. Rico em Monoterpenos, o Oe de Olíbano/ Frankincense atua no sistema nervoso e promovem relaxamento. Fragrância resinosa-balsâmica é propícia para meditação – sereniza a mente – ideal para elevar os pensamentos

Por último, o tipo 7, conhecido como epicurista, movimenta-se pelo prazer, tende a exagerar tudo que gosta, seja trabalho, exercícios físicos, ou bebida, festas em geral. Isso pode prejudicar o corpo ou porque pode trabalhar sem se preocupar em dormir (se isso for prazeroso), exagerar nos esportes, nas festas, enfim em tudo que pode lhe dar prazer e o corpo, com certeza terá várias implicações. Precisam se conectar com cada situação, ter consciência dos exageros, do abuso que fazem do corpo, colocando-o em situações perigosas, ou da possibilidade de desenvolver resistências e mecanismos tais que geram desconexão e culpabilizar o outro. Ansiedade também é uma característica forte desse tipo. Terapia, esportes adequados, autoconhecimento e desenvolver maturidade ajudam muito esse tipo. 

Para Claudia, a sugestão para o tipo 7 é o uso de OE que gosto muito e tem o caráter equilibrante, sem ser um sedativo – é o Gerânio – geraniol. Pode usar com outros (Néroli, Bergamota) ou separadamente. Pôr na mão e respirar. Como respirar – pode usar em casa, no trabalho, em qualquer momento que sentir estes sentimentos extremos.

Para ajudar o tipo 7 existem 2 OEs: Hortelã-pimenta – traz para o agora, a energia, a luz e a clareza. O hortelã pimenta (mentha  piperita) dá uma sensação estimulante e refrescante – ajuda na digestão – mentol. Não usar antes de dormir pois pode causar insônia, em epiléticos e cardiopatas.  Tem aroma picante e concentrado. O outro aroma é o de Alecrim – vem de alegria, chamada de Erva da Alegria – libera sentimentos estressantes quando usado como óleo quente. Na Grécia Antiga o alecrim era considerado um fortificante para o cérebro e memória – os estudantes usavam um galho atrás da orelha antes de fazerem as provas.  É ainda muito usado para melhorar o desempenho e concentração. Seu aroma tem um delicado cheiro de cânfora, é estimulante, aumenta o fluxo sanguíneo estimulando o cérebro e a memória, sendo descrito como fresco, herbal e doce. Na medicina chinesa é usado para problemas de fígado e vesícula. 

Com isso, detalhamos cada um dos 9 tipos. É evidente que há muito mais a escrever e, principalmente, um trabalho mais profundo a ser feito por aqueles que se empolgaram com esse artigo, mas espero que sirva para que conversemos sobre o assunto.

Gostou desse post? Compartilhe!