- Início

- Conteúdo

Liderança Servidora: Como Usá-La Para Motivar As Novas Gerações

Coluna

Compartilhe Este Post

Enérgicos, empreendedores e ansiosos por novos desafios, os jovens estão cada vez mais qualificados e à procura de papéis de destaque no mercado de trabalho. Mas, será que os líderes estão preparados para recebê-los?

Resultado de constantes mudanças da sociedade, a chegada da nova geração às empresas causou grandes impactos e passou a exigir uma abordagem diferenciada dos líderes que precisam se reinventar diariamente para mantê-los nas organizações. 

Para compreender os jovens e fazê-los trabalhar em harmonia dentro das empresas, é necessário adotar um novo estilo de liderança. Diante deste cenário, as companhias que conseguirem manter cada uma dessas gerações engajadas e motivadas a darem o melhor de si, contarão com ótimos resultados.

Apresentarei neste artigo o modelo de gestão que pode ser um grande aliado das empresas diante das incertezas: a liderança servidora.

Robert Greenleaf apresentou o conceito de liderança servidora em 1977 no livro Servant Leadership. O autor propõe uma alternativa para a autoridade em que o líder em vez de impor regras, passe a servir sua equipe. Dessa forma, a liderança deixa de ser considerada um poder para se tornar uma dedicação.

O líder servidor conecta-se diretamente com os indivíduos do seu time e procura compreender quais são as reais necessidades de cada um a fim de conseguir auxiliá-lo da melhor maneira possível. Aqui o bem-estar e as necessidades da equipe são levados em consideração, pois estes profissionais tem a consciência de que os lucros da companhia dependem diretamente do desempenhos dos colaboradores.

Agora que você já sabe quais são as principais características da liderança servidora, veja abaixo dicas infalíveis  de como usá-la com as novas gerações.

Mude a visão de hierarquia

A hierarquia de líder e subordinado costuma passar uma visão de superioridade, e as novas gerações não se sentem confortáveis com este cenário. É necessário que a equipe enxergue o líder como um semelhante que está disposto a servi-los de igual para igual. Esse exercício gera uma confiança mútua, tornando-se mais fácil de desenvolver uma influência positiva.

Saiba ouvir

Você já ouviu falar sobre a escuta empática?  Essa prática consiste na tentativa de entender o próximo. Ouvir o que ele tem a dizer, compreender as razões que o levaram a tomar determinadas decisões e, principalmente, colocar-se em seu lugar. Esse passo pode ser ainda mais eficiente nos casos em que o líder e o funcionário são de gerações diferentes, pois a possibilidade de haver conflito de opiniões é maior.

Tenha caráter

O caráter define quais são os valores e princípios que as pessoas desenvolvem no decorrer de suas vidas. É de extrema importância em qualquer cenário, pois por meio dele é medida a disposição do ser humano de fazer ou não a coisa certa. A liderança é definida a partir do caráter do líder que deve agir de maneira correta e transparente para servir de exemplo à sua equipe. Aqueles que não seguem essa linha estão suscetíveis a fracassar e denegrir não apenas sua imagem, mas a de todos que o seguem.

Motivação gera resultados

É de senso comum que a motivação seja o principal componente de uma liderança efetiva para as novas gerações. Ao contrário do que muitos pensam, não é o dinheiro que motiva as pessoas. Boas empresas buscam satisfazer as verdadeiras necessidades de seus funcionários para mantê-los motivados. Essa atitude faz com que eles se sintam necessários e respeitados.

Crie propósitos

As novas gerações sentem necessidade de criar propósitos para suas vidas e agregar valor ao mundo, então, é de extrema importância que os valores da organização sejam compatíveis com seus valores pessoais. O líder é o responsável por mostrar os valores da empresa e indicar o comportamento que a equipe deve assumir.

O dia em que os líderes se dedicarem a servir os liderados e buscarem ao máximo atender suas necessidades, as organizações poderão contar com funcionários mais engajados, que trabalham motivados e geram mais retorno. Este é o grande segredo para alcançar o sucesso através da liderança.

Por Marcelo Simonato, escritor, palestrante e mentor de Carreiras. É um dos colunistas do RH Pra Você.

Gostou desse post? Compartilhe!