- Início

- Conteúdo

A Importância Dos Feedbacks Para Uma Boa Gestão

Feedback

Compartilhe Este Post

Antigamente, a estabilidade era o maior desejo de qualquer pessoa ao entrar no mercado de trabalho. Hoje, vivemos um momento diferente no que se refere à gestão de pessoas. Para além da estabilidade e de manter o emprego, existem outros pontos que permeiam as relações entre líderes e liderados, como o alinhamento de propósitos e expectativas. Estive presente, nesta semana, no Superlógica Xperience 2019, falando sobre como melhorar a gestão por meio de feedbacks e reuniões 1 on 1, e compartilho algumas dicas por aqui.

Muitos colaboradores se sentem insatisfeitos no seu trabalho, os problemas são sempre os mesmos: falta de reconhecimento, de comunicação, etc. Atualmente, os processos de comunicação estão mais ágeis e as lideranças precisam entender isso também. Bons gestores empoderam e mostram preocupação com o bem-estar da equipe, e precisam entender que quem gera valor são as pessoas, não as empresas. A fim de melhorar a gestão, a produtividade e fazer com que os colaboradores se sintam mais felizes, os feedbacks são uma ferramenta essencial. De acordo com uma pesquisa da Officevibe, enquanto 58% dos gestores acreditam que enviam feedbacks suficientes, 65% dos colaboradores dizem que gostariam de receber mais feedbacks.  

O feedback não é simplesmente um comunicado, ele deve ser estruturado. Nesse tipo de reunião é necessário ser específico, dizer ao colaborador quais foram os pontos positivos e explicar o que foi bom. Saber o timing é essencial na hora de dar um feedback, não se pode demorar muito para não perder o contexto, mas também não recomendo que seja feito rápido demais porque pode soar agressivo. Ele também ajuda o colaborador a entender se está no caminho certo, o que pode ser melhorado e como colocar isso em prática.

Outra técnica é o check in de progresso, em que podem ser alinhadas dúvidas e questionamentos referentes aos objetivos e resultados de negócio. Neste momento, líder e liderado identificam quais foram as metas atingidas, o que deu certo, o que deu errado e quais as mudanças para as próximas semanas.

As reuniões entre duas pessoas (1 on 1) são fundamentais para a construção de relacionamento, de alinhamento e para que ocorra o feedback mútuo. Líderes e liderados devem dar e receber feedbacks, e alinhar expectativas. No meu ponto de vista, solicitar o feedback é um bom começo, mas não é o suficiente para fazer com que o colaborador se sinta à vontade para falar pontos de melhoria ao seu gestor. Para gerar confiança, o líder pode agradecer o feedback publicamente a sua equipe, por exemplo. É importante lembrar que a 1 on 1 não é status update, ela serve para melhorar o relacionamento entre líder e liderado e fazer com que o liderado se sinta mais realizado, e não para discutir metas e prazos.

Mas como fazer tudo isso? Sem tecnologia é praticamente impossível realizar uma boa gestão de pessoas. Pensando nisso, a Feedz oferece várias funcionalidades que melhoram essa gestão e estão concentradas em um só lugar, como termômetro de humor, feedback contínuo e gestão de objetivo, além de mural com celebrações em que os colaboradores compartilham com toda a empresa suas conquistas. Sem dúvidas, boas técnicas de gestão aliadas à tecnologia podem fazer das empresas locais mais acolhedores e receptivos aos colaboradores.

Por Bruno Soares, cofundador e CEO da startup Feedz

Gostou desse post? Compartilhe!