- Início

- Conteúdo

7 Dicas Para Otimizar A Gestão De Rh Da Sua Empresa

Compartilhe Este Post

O que há de maior valor em uma empresa? Os melhores gestores afirmam que são os recursos humanos, ou seja, as pessoas. É por isso que investir na gestão de RH precisa ser prioridade em uma organização que deseja se destacar no mercado. Administrar bem o capital humano da empresa é fundamental para um crescimento saudável. Assim, é preciso entender o caminho para gerir esses recursos da forma mais eficiente possível. 

O que é gestão de RH?

Toda empresa, independentemente de seu porte, possui diversos recursos a serem administrados. Entre eles estão os recursos financeiros, as tecnologias e os produtos, por exemplo. O capital humano é mais um desses recursos e que, devido seu valor, requer uma gestão de alta performance.

A gestão de RH reúne todas práticas relacionadas às pessoas da empresa. Isso engloba a atração e seleção de colaboradores, o cuidado com a trajetória deles na empresa e seu desenvolvimento.

Esse setor também engloba o departamento pessoal que é responsável por diversas burocracias relacionadas aos profissionais, como folha de pagamento, férias, processos de admissão e desligamento e benefícios corporativos.

Mais uma responsabilidade do RH é buscar a manutenção de um bom clima organizacional, fomentando iniciativas que geram alinhamento e satisfação nas equipes.

 Qual é a relevância de uma boa gestão nesse setor? 

Um artigo da Forbes divulgou estudos que mostram que um RH estratégico tem o poder de alavancar a performance de uma companhia, fornecendo vantagem competitiva no mercado. No passado, esse setor era conhecido apenas por seu viés burocrático. No entanto, a evolução das práticas de recursos humanos levou essa área muito além da papelada.

Hoje, uma boa gestão de RH tem potencial para estar junto dos líderes da empresa, sugerindo melhorias, inovações e boas práticas para o crescimento organizacional. Investir na gestão desse setor vai garantir que os processos burocráticos da empresa sejam otimizados e realizados de forma eficiente.

Contratações mais certeiras são outro benefício de uma área especializada. Além disso, os profissionais se sentirão valorizados e motivados, se tornando mais produtivos e engajados com a cultura da empresa.

Como fazer uma gestão eficiente? 

A área de recursos humanos exerce poder na organização. Se deseja que o RH da empresa tenha um papel relevante e de destaque, precisa conhecer algumas ações para uma gestão de RH eficiente.

1) Faça um bom planejamento 

Ser estratégico certamente requer um planejamento sólido. Na gestão de RH é fundamental estabelecer metas de curto, médio e longo prazo, pontuando ações que tornarão possível alcançá-las.

O planejamento, que pode ser anual, engloba as práticas que serão seguidas, as tecnologias que serão usadas e as metodologias que serão implantadas na empresa. É importante que toda a equipe de recursos humanos esteja alinhada com os mesmos propósitos.

Esse plano de ação pode ser revisto periodicamente para que o foco seja mantido. Além disso, a gestão deve sempre acompanhar os índices de desempenho para entender se as ações propostas estão dando os resultados esperados. 

2) Conte com profissionais capacitados 

Recrutar e selecionar profissionais para todas as áreas da empresa é uma das maiores responsabilidades do RH. Sendo assim, ele é o primeiro setor que deve contar com os melhores talentos do mercado.

Profissionais capacitados farão com que a gestão de RH tenha um desempenho muito melhor e, também, seja mais inovadora e pontual nas soluções para a organização.

Oferecer treinamentos constantes é uma iniciativa que permite o desenvolvimento dos profissionais de recursos humanos, garantindo que eles estejam sempre atualizados e motivados. 

3) Esteja alinhado com a visão da empresa 

Para trabalhar de forma eficiente, é fundamental que a gestão de RH tenha uma visão alinhada com a da mesa diretora da empresa. Afinal, o setor é responsável por repassar os valores e objetivos da corporação.

Esse alinhamento vai permitir um discurso unificado entre as partes da empresa, sem ruídos de comunicação que podem desanimar os colaboradores. 

4) Tenha as ferramentas adequadas 

As ferramentas tecnológicas são grandes aliadas da gestão de RH. Por meio delas, é possível trabalhar de forma mais eficaz e estratégica. Isso porque as ferramentas de recursos humanos permitem a otimização dos inúmeros processos burocráticos concernentes ao setor. Essas soluções substituem a papelada pela digitalização das informações.

Com isso, os profissionais da área têm, a alguns cliques de distância, todos os dados necessários para realizar a gestão de pessoas. Contar com essas ferramentas permite que o setor gaste menos tempo com tarefas de rotina e invista em estratégias para a atração de talentos e o desenvolvimento de pessoas. 

5) Como escolher o software de RH ideal? 

Encontrar um bom software de gestão de RH vai impactar diretamente nos resultados da sua equipe. Por isso, é preciso atentar para o que uma ferramenta ideal vai oferecer. Confira o que vai fazer a diferença em um sistema de recursos humanos. 

6) Busque automação 

Para que seu RH trabalhe a todo vapor, é fundamental eliminar as tarefas de rotina que não necessariamente precisam ser feitas por pessoas. Imagine o tempo gasto com diversas tarefas repetitivas e burocráticas que você poderia economizar.

Um software de gestão de RH precisa oferecer a automação dos processos. A ferramenta vai armazenar todos os dados, criar padrões de trabalho e organizar todas essas informações de forma intuitiva. Isso pode ser feito com burocracias envolvendo pagamentos, férias e benefícios, entre outros. Processos de recrutamento e admissão também podem ser automatizados, gerando um funcionamento muito mais otimizado para o setor. 

7) Integre e centralize os processos 

A área de recursos humanos em empresas maiores pode se subdividir em diversos setores para dar conta dos diferentes processos. Entre as principais áreas estão:

  • departamento pessoal;
  • folha de pagamento;
  • financeiro;
  • desenvolvimento de pessoas;
  • benefícios;
  • comunicação com funcionários.

Essas áreas precisam estar integradas para que o trabalho seja feito mais rápido e sem ruídos de comunicação. Assim, é fundamental que um software de RH garanta que todos esses processos estarão centralizados em um mesmo local.

Por Marcelo Furtado, fundador e CEO da Convenia

Gostou desse post? Compartilhe!