- Início

- Conteúdo

7 dicas para entrar em 2020 com a saúde mental fortalecida

Compartilhe Este Post

A virada de ano é, tradicionalmente, um momento de mudanças. Reflexões, metas e até superstições fazem parte dos hábitos de fim de ano. A cada 12 meses, milhares de pessoas vão atrás de recursos que ajudem a começar o novo ciclo de uma forma mais produtiva e saudável. 

Nesse sentido, a busca por saúde mental é fundamental em meio a uma realidade de números alarmantes sobre o assunto. De acordo com estudo divulgado no ano passado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), 300 milhões de pessoas sofrem com a depressão ao redor do mundo. Não à toa, essa será a doença mais incapacitante do planeta a partir de 2020.

Para ajudar as pessoas a manter a saúde emocional em dia na chegada de 2020, a psicóloga Melina Cury Haddad dá algumas dicas para a virada de ano:

Viver o presente – A melhor forma de entrar no ano-novo com boa saúde mental é começar agora, buscar esse bem-estar no momento presente. Devemos cuidar da nossa saúde mental todos os dias, fazer pequenas ações que nos trazem bem-estar e prazer todos os dias. 

Cuidar do corpo – Corpo e mente andam juntos, estão conectados. Então, para termos uma boa saúde mental, devemos também nos preocupar em ter uma boa saúde física, com hábitos como: praticar atividade física regularmente, ter alimentação saudável e noites de sono reparadoras, gerenciar o estresse diário, cuidar dos pensamentos, estabelecer relações de amizades, conversar com amigos, ter momentos prazerosos e atividades de lazer diariamente. 

Encerrar ciclos – A virada de ano traz esse momento de renovação da esperança, o que é muito positivo. É o fechamento de um ciclo e início de outro, então tendemos a ficar mais esperançosos e motivados para enfrentar os desafios que virão no ano que se inicia. É a hora de tomar um “fôlego”, respirar e projetar coisas positivas. 

Evitar expectativas exageradas – Quando estamos motivados, algumas expectativas podem ser muito elevadas e futuramente trazer decepções. A melhor forma é sempre avaliar se nossa expectativa é real ou ideal. Parar e pensar mesmo. 

Afastar o que faz mal – Devemos evitar o que nos faz mal, isso é muito individual, cada um deve pensar e fazer uma avaliação daquilo que não lhe cai bem. Se beber em excesso faz mal a você, então pense e planeje como vai lidar com o consumo de bebidas nas festas. Se a loucura do trânsito faz mal a você, então pense em como evitar se expor a essas situações. E assim por diante... 

Fazer um balanço de 2019 – É sempre positivo fazer um balanço de nossas vidas, principalmente em momentos de mudanças de ciclo. Uma ideia é desenhar uma linha do tempo, com os momentos mais marcantes do ano; o que aconteceu de importante e como enfrentou a situação; o que foi bom e o que não foi. Isso nos ajuda  a fazer o balanço e aprender com as coisas positivas e dificuldades que passamos. 

Estabelecer metas reais – Fazer metas pode ser positivo, desde que sejam reais e possíveis de serem alcançadas. Faça pequenas metas que vão lhe dando a sensação de sucesso ao serem alcançadas. Comece pela mais fácil, até atingir as mais difíceis. Compartilhe com alguém, se quiser, e coloque em lugar visível. De tempos em tempos, vá checando se está no caminho certo e, se for preciso, seja flexível e remodele a meta.

E para estar ainda mais a par dos cuidados essenciais que a nossa saúde mental tanto carece, não deixe de conferir a nossa trilha exclusiva sobre o assunto. Com a participação de vários especialistas renomados, o material traz análises e reflexões profundas sobre o cenário da saúde emocional no Brasil, tanto dentro quanto fora das organizações. Clique na imagem abaixo para acessar: