O Futuro das Auditorias Externas com IA: Impacto nas Empresas

À medida que a tecnologia avança, a Inteligência Artificial (IA) está revolucionando diversos mercados, e o mercado de auditorias não será exceção. Fiz um pequeno estudo sobre como eu enxergo o impacto que a IA trará para empresas que passam por auditorias externas, sejam elas governamentais ou contratadas por seus acionistas.

Todos sabem que, com a chegada de investidores, especialmente de fundos de investimento, auditorias externas realizadas por firmas renomadas, como a PwC, fazem parte da rotina dos times, especialmente da área de tecnologia.

Eu mesmo já passei por tantas auditorias externas que nem lembro a quantidade. Esses dias, me peguei pensando em como a IA vai transformar essas auditorias, e esse é o objetivo deste meu texto.

Impacto nas Equipes Internas

As ferramentas de IA que as auditorias externas trarão terão um impacto significativo nas equipes internas das empresas. Essas ferramentas avançadas permitirão que os auditores analisem dados de forma mais rápida e precisa, identificando padrões e anomalias que poderiam passar despercebidos pelos métodos tradicionais. Isso significa que as equipes internas precisam estar preparadas para fornecer dados limpos e bem organizados, pois a IA pode detectar inconsistências com muito mais rigor.

Inteligencia artificial

As auditorias poderão, inclusive, detectar anomalias nos dados de vendas em virtude da própria qualidade dos dados que a empresa possui.

Outro impacto que eu enxergo é que nós, que respondemos às auditorias, utilizaremos menos tempo porque os dados farão parte de datasets que agregarão informações ano após ano. Imagino que as empresas, inclusive, poderão ter hubs de dados auditáveis, gravados em blockchain, que podem ser úteis para outras consultorias ou para a própria empresa ao negociar com novas empresas e informar que possuem um hub de dados auditáveis.

Acredito também que a IA poderá reduzir o tempo que as equipes internas gastam respondendo a solicitações de informações. Ferramentas automatizadas podem extrair dados diretamente dos sistemas da empresa, minimizando a necessidade de intervenções manuais. Veremos em breve o time de tecnologia das auditorias expondo suas APIs para que as empresas integrem seus sistemas a elas.

É óbvio que isso poderá exigir que os sistemas legados passem por alguma atualização, mas isso pode ser um tema para outro texto.

Velocidade da Auditoria

Com a implementação de IA, a velocidade das auditorias externas pode aumentar dramaticamente. O processamento de grandes volumes de dados, que antes levava semanas ou meses, agora pode ser realizado em questão de dias ou até horas. Isso permite que as auditorias sejam concluídas mais rapidamente, reduzindo a interrupção das operações diárias da empresa. Quem passa por auditoria sabe o tempo que precisamos dedicar.

A aceleração do processo de auditoria também significa que as empresas podem obter feedback quase em tempo real. Isso é particularmente valioso para identificar e corrigir problemas rapidamente, mantendo a conformidade e evitando problemas maiores no futuro. Como CIO, isso trará uma grande vantagem para a área de tecnologia. Receber insights rapidamente poupará uma série de problemas, inclusive na captação de novos clientes, que exigem selos de auditorias.

Novos Outputs e Insights

Acredito que todo o C-Level das empresas irá se beneficiar dos outputs gerados pelas auditorias. Será possível oferecer novos tipos de outputs que podem ser muito mais detalhados e acionáveis do que os relatórios tradicionais. Algoritmos avançados podem gerar insights profundos sobre as operações da empresa, identificando não apenas irregularidades, mas também oportunidades de otimização e eficiência.

Por exemplo, relatórios de auditoria podem agora incluir análises preditivas que destacam potenciais riscos futuros com base em padrões históricos de dados. Esses insights permitem que as empresas adotem uma abordagem mais proativa na gestão de riscos e na tomada de decisões estratégicas. Isso é muito interessante.

Preparação e Adaptação

Para se beneficiar plenamente das auditorias externas impulsionadas por IA, as empresas devem se preparar adequadamente. Acho que isso acontecerá em ondas, mas as primeiras já devem estar chegando. Mais uma vez, o time de tecnologia será demandado quando falamos de conexão. Além disso, é fundamental que as equipes internas sejam treinadas para trabalhar com as novas ferramentas e entendam como interpretar os novos tipos de outputs gerados pela IA.

A adaptação a esse novo cenário de auditoria requer uma mudança de mentalidade, onde a auditoria não é vista apenas como uma obrigação, mas como uma oportunidade para melhoria contínua e inovação. Empresas que adotarem essa abordagem estarão melhor posicionadas para atrair investidores e crescer de forma sustentável.

Conclusão

O futuro das auditorias externas, impulsionado pela Inteligência Artificial, promete transformar radicalmente como as empresas se preparam e respondem a essas revisões. As equipes internas devem se adaptar ao uso de ferramentas de IA pelos auditores, que aumentam a velocidade e a precisão das auditorias, ao mesmo tempo que oferecem novos e valiosos insights. Com uma preparação adequada e uma mentalidade proativa, as empresas podem não apenas cumprir suas obrigações de conformidade, mas também transformar as auditorias em uma vantagem competitiva

Futuro das auditorias: IA impacta

Por Wilian Domingues, Professor de MBA USP ESALQ e CIO da Tempo.

 

 

Ouça o episódio 158 do RH Pra Você Cast, “IA: a preocupação deve mesmo existir?“. Em março de 2023, veio a público a informação que cerca de 2.600 líderes e pesquisadores do setor de tecnologia assinaram uma carta aberta solicitando uma pausa temporária no desenvolvimento das inteligências artificiais. Sob o argumento de que elas podem ser um “risco para a sociedade e a humanidade”, até mesmo Elon Musk, um dos maiores entusiastas quando o assunto é tecnologia, assinou o documento.

Por sua vez, Jhonata Emerick, CEO da Datarisk, não faria parte do movimento que busca frear as IAs. Para o doutor em Inteligência Artificial, a evolução das IAs é tão natural quanto o crescimento que ela pode ajudar a impulsionar. Mas será que, mesmo com o olhar otimista, as preocupações em torno das IAs (como a perda de empregos ao redor do mundo) são legítimas? O que elas podem fazer por nós que ainda não compreendemos tão bem?

Não se esqueça de seguir nosso podcast e interagir em nossas redes sociais:

Facebook
Instagram
LinkedIn
YouTube

Capa: Depositphotos