Novos desafios de RH para åempresas de jogos de cassino ao vivo online com a regulamentação no Brasil

No crescente mundo do entretenimento online, os cassinos ao vivo se destacam por sua energia e dinamismo, transmitindo diretamente de estúdios ao redor do globo. A inclusão de apresentadores fluentes em português brasileiro, bem como em outros idiomas, eleva a acessibilidade desses jogos para audiências internacionais, inclusive em regiões onde o mercado de apostas e cassinos ainda não é regulamentado.

Essa expansão global é viabilizada pelas licenças internacionais que esses sites possuem, obtidas de autoridades em países como Reino Unido, Malta e Gibraltar. A KTO, por exemplo, é licenciada em Curaçau e em sua categoria de jogos de cassino ao vivo há mais de 500 títulos, como roleta, game shows e bingos, segundo informações no site.

Diante dessa realidade, os departamentos de Recursos Humanos podem enfrentar desafios complexos. Além da necessidade de uma infraestrutura técnica avançada, é essencial contar com profissionais especializados em diversas áreas, desde o desenvolvimento e gerenciamento dos jogos até o atendimento ao cliente.

A flexibilidade de horários e a diversidade dos requisitos de emprego também são assuntos importantes, considerando a demanda por cobertura em múltiplas zonas horárias para alcançar uma audiência global. Além disso, a formação de equipes capazes de proporcionar experiências autênticas pode representar um desafio importante, ressaltando a necessidade de práticas de RH alinhadas às especificidades desse mercado em crescimento.

Assim, para assegurar sua competitividade e sucesso a longo prazo, as empresas do ramo precisam ir além do cumprimento das regulamentações e da busca pela excelência operacional. É fundamental adotar estratégias de RH que fomentem um ambiente de trabalho inclusivo e estimulante, capaz de atrair e manter talentos dedicados a impulsionar o avanço deste segmento altamente competitivo no Brasil.

Regulamentação no Brasil

A regulamentação das apostas esportivas e dos jogos online, efetivada em dezembro de 2023 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, representa um avanço significativo na estruturação e segurança jurídica dessas atividades. Esta legislação, tão aguardada pelo setor, delineia diretrizes para a operação desses empreendimentos no Brasil.

Uma inovação notável introduzida por essa lei é o sistema tributário aplicável tanto às companhias operacionais quanto aos apostadores, estabelecendo uma taxa de 12% sobre os rendimentos das empresas, após a dedução dos prêmios distribuídos, e um tributo de 15% sobre os ganhos dos apostadores.

A promulgação desta lei tem o potencial de aumentar substancialmente os cofres federais. O objetivo vai além de simplesmente regulamentar um mercado em franca expansão; visa também assegurar que as atividades de empresas estrangeiras em solo brasileiro contribuam justamente para a arrecadação de tributos nacionais.

Para os departamentos de RH das empresas que atuam com jogos de cassino ao vivo e apostas esportivas, a nova regulamentação apresenta desafios de adaptação às regras recém-estabelecidas e de gerenciamento eficaz de talentos em um ambiente agora estruturado e altamente competitivo. Este contexto abre um leque de oportunidades para a implementação de políticas inovadoras, alinhadas às necessidades legais e operacionais dessa nova realidade regulada.

Apoio popular e geração de empregos

Um estudo da ENV Media, realizado em fevereiro de 2024 com 627 jogadores adultos brasileiros, revela amplo apoio à regulamentação do setor. A análise mostra que 84% dos respondentes são favoráveis à exigência de licenças para as operadoras, enquanto 92% valorizam a implementação de leis claras para a regulação do setor. Além disso, 87% destacam a importância de as empresas se registrarem, obterem licenças e contribuírem com impostos no Brasil, demonstrando uma aprovação geral às medidas regulatórias propostas.

Esse endosso público reflete o reconhecimento do potencial econômico e social advindo da regulamentação, incluindo a criação de empregos e significativas contribuições fiscais. Projeções citadas por senadores federais sugerem uma arrecadação anual em torno de R$ 10 bilhões, com adição de bilhões em taxas de licenciamento a cada cinco anos.

Essas receitas tributárias, somadas à estimativa de impostos sobre os ganhos dos jogadores, poderiam alcançar cerca de USD 4,5 bilhões (aproximadamente R$ 22,5 bilhões na cotação atual) por ano. Esse montante promete não apenas incrementar significativamente o tesouro nacional, mas também abrir oportunidades de emprego no setor de iGaming, que engloba apostas em eventos esportivos e em jogos, incluindo jogos de cassino ao vivo.

A transparência regulatória e o potencial de contribuição econômica encontram eco entre os cidadãos brasileiros, já que 76% acreditam que o iGaming regulado pode reforçar as finanças nacionais e gerar empregos no estudo da ENV Media. Essa aceitação pública não apenas valida a legitimidade das operações de jogos, mas também sinaliza a maturidade do mercado e a disposição para engajar-se nas complexidades deste setor.

Assim, a regulamentação dos jogos de cassino online transcende as meras formalidades legais e econômicas; possivelmente, reflete as aspirações da sociedade por um mercado equitativo, transparente e responsável. Com respaldo popular e a promessa de benefícios econômicos e sociais concretos, o Brasil caminha para desenvolver um cenário de iGaming tanto vibrante quanto sustentável.

Leia também:

– 5 dicas para as lideranças vencerem os desafios de 2024

– Reter é desafio? Nesta empresa, os colaboradores ficam em média 12 anos

Desafios de RH nas empresas de jogos de cassino ao vivo

No universo dos cassinos ao vivo e das apostas esportivas, os gestores de RH podem enfrentar um cenário desafiador e em constante evolução. As peculiaridades do setor, combinadas com a demanda por profissionais qualificados e a necessidade de adaptação às novas regulamentações, impõem desafios que podem demandar soluções inovadoras e estratégias assertivas de gestão de talentos.

Gestão de talentos em um mercado competitivo

A indústria de jogos, particularmente a de cassinos ao vivo, compete acirradamente por talentos especializados. Essa concorrência é intensificada pela rápida expansão do setor e pela escassez de profissionais qualificados em áreas cruciais como desenvolvimento de software, operações ao vivo, suporte ao cliente e compliance.

Para atrair e reter os melhores talentos, as empresas devem não apenas oferecer pacotes de remuneração competitivos, mas também investir em programas de desenvolvimento profissional, promover uma cultura de trabalho inclusiva e proporcionar oportunidades de crescimento na carreira.

Promoção da diversidade e inclusão

A diversidade e inclusão emergem como questões centrais, particularmente em uma indústria globalizada como a de jogos de cassino ao vivo.

Criar ambientes de trabalho que valorizem a diversidade e promovam a inclusão não é apenas uma questão de responsabilidade social, mas uma estratégia para impulsionar a inovação, refletir a diversidade dos jogadores e melhorar a tomada de decisão.

Estudo - Tree

As empresas devem se esforçar para superar estereótipos e construir equipes mais representativas, adotando práticas de contratação justas e promovendo a igualdade de oportunidades para todos.

Enfrentando a rotatividade e o burnout

A natureza dinâmica e muitas vezes intensa do trabalho em cassinos ao vivo pode levar a altas taxas de rotatividade e burnout entre os funcionários.

As empresas enfrentam o desafio de equilibrar as demandas do serviço ao vivo, que geralmente opera 24/7, com a necessidade de manter seus funcionários motivados e saudáveis.

Estratégias eficazes incluem a implementação de políticas de equilíbrio entre vida pessoal e profissional, programas de bem-estar e suporte à saúde mental, bem como o reconhecimento e recompensa do desempenho excepcional.

Entendendo regulamentações complexas

O cenário regulatório para jogos de cassino ao vivo é complexo e em constante mudança, variando significativamente entre diferentes jurisdições. Portanto, as empresas devem se manter atualizadas com as leis locais e internacionais, garantindo conformidade contínua com as regulamentações de licenciamento, apostas e proteção ao jogador.

Isso pode exigir uma colaboração estreita entre os departamentos de RH, jurídico e de compliance, além de investimentos contínuos em treinamento e desenvolvimento profissional para assegurar que todas as equipes estejam informadas e capacitadas para cumprir com os padrões regulatórios.

compliance trabalhista

Construindo uma cultura organizacional forte

Desenvolver e manter uma cultura organizacional positiva em um ambiente de trabalho dinâmico e diversificado apresenta um desafio único para os gestores de RH em empresas de iGaming.

Fomentar um ambiente que apoie a inovação, promova a colaboração e incentive a excelência é fundamental para o sucesso a longo prazo. Isso envolve não apenas a implementação de políticas e práticas de RH eficazes, mas também a construção de um espaço de trabalho que valorize o feedback dos funcionários, celebre as conquistas e apoie o desenvolvimento contínuo de cada membro da equipe.

Enfrentar esses desafios requer uma abordagem estratégica e multifacetada, adaptada às nuances do setor de jogos de cassino ao vivo. Por meio da implementação de práticas de RH inovadoras e adaptativas, as empresas podem não apenas superar esses obstáculos, mas também se posicionar como líderes em um mercado competitivo e em rápida evolução.

 

O episódio 179 do RH Pra Você Cast comenta sobre as novidades e desafios que o setor de Recursos Humanos enfrentará em 2024, oferecendo percepções valiosas para gestores e profissionais da área. O episódio contou com a participação de Daniel Spolaor, CEO e Co-fundador da Escola Koru, que compartilhou suas perspectivas sobre as tendências que deverão guiar as estratégias de RH ao longo deste ano. Confira!

Não se esqueça de seguir o podcast e interagir nas redes sociais:

Facebook
Instagram
LinkedIn
YouTube

Foto: Pixabay