No mundo corporativo, é sabido que uma boa rede de contatos – o chamado network – é de suma importância para impulsionar seja a imagem da empresa ou de um perfil profissional. A prática permite expandir as oportunidades de negócios, além de facilitar a troca de informações e conhecimentos, permitindo que profissionais se mantenham atualizados sobre tendências e inovações de suas áreas de atuação.

Um networking bem-feito pode ser considerado a porta de entrada para uma carreira brilhante. Hoje em dia, graças à expansão das chamadas TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação) contamos com diversas ferramentas que, quando usadas corretamente, se tornam perfeitas aliadas nesse processo.

Skills obrigatórias do RH

Depois do período pandêmico com a Covid-19, o uso das redes sociais tornou-se primordial no cotidiano brasileiro. Para se ter dimensão, um levantamento publicado pela plataforma Cupom Válido, que cruzou dados da Hootsuite e WeAreSocial, revelou que, em 2021, o Brasil já ocupava a terceira posição mundial em uso de redes sociais, ficando atrás apenas das Filipinas e da Colômbia.

Logo, podemos presumir que se muitas pessoas – senão todas – estão nas redes sociais, esse será um bom ambiente para ativar o modo network. Contudo, também existem outros bons ambientes onde podemos aproveitar espaços para aprimorar as bases de contatos:

1. Organizações de Network: Grupos de networking profissional, câmaras de comércio, associações profissionais e clubes de negócios, possuem um ambiente estruturado para que você construa sua base de negócios, afinal estão declinadas a essa temática.

Em sua maioria, esses grupos promovem encontros regulares e eventos exclusivos onde você pode compartilhar experiências, trocar referências e buscar aconselhamento profissional, o que irá fortalecer significativamente sua rede de contatos e abrir novas oportunidades de crescimento profissional e colaboração.

Além disso, essas organizações muitas vezes oferecem recursos adicionais, como acesso a palestras, materiais educativos e oportunidades de desenvolvimento profissional contínuo.

2. LinkedIn, a rede social corporativa: além da criação de um perfil profissional online e auxílio na busca por emprego, a rede também permite que você compartilhe avanços na sua carreira, conhecimentos e ideias que adquiriu e gostaria de repassar ao mundo.

Outra grande vantagem são as conversas diretas ou indiretas, através dos posts e comentários, com executivos de setores diversos e cargos altíssimos que, por vezes, em meio ao cotidiano, seria muito mais difícil.

3. Eventos do seu setor: Sabe aquelas feiras, conferências, seminários e workshops?! São ambientes altamente propícios para uma conversa promissora sobre negócios.

Na mesma linha de raciocínio da dica anterior, afirmo que eventos setorizados proporcionam oportunidades valiosas para interações com líderes da indústria, colegas e potenciais parceiros de negócios, com o adendo que dessa vez a oportunidade acontece presencialmente, o que a depender da sua desenvoltura pode ser ainda mais proveitoso.

Vale ressaltar que o network, resumidamente, é uma ferramenta capaz de fortalecer a sua visibilidade e a reputação no mercado, já que permite a construção de uma imagem positiva e confiável.

Portanto, não se limite a um único horizonte, pois há muitas maneiras de fazê-lo, encontre a forma que você se adapta melhor e aproveite esse caminho o máximo que puder.

3 lugares apropriados para fazer networkPor Mara Leme Martins, PhD. Vice Presidente do BNI Brasil – Business Network International.

 

 

Ouça o episódio 187 do podcast RH Pra Você Cast, “Dia da Mentira: Os mitos que precisam ser combatidos no RH“. O Dia da Mentira, uma data que nem sempre é comemorada, mas nunca é esquecida. Quem nunca fez alguma brincadeira para entrar no espírito do dia, não é mesmo? Para entrarmos no clima, nada melhor do que… acabar com mentiras. Estigmas que caminham lado a lado há anos com o RH tornaram-se “verdades absolutas” que precisam ser combatidas. Especialmente em meio à transformação do setor. Com a missão de nos ajudar a acabar com os mitos e trazer à tona verdades, convidamos Kari Silveira, Chief People Officer (CPO) da Impulso. Confira o papo!

Não se esqueça de seguir nosso podcast e interagir em nossas redes sociais:

Facebook
Instagram
LinkedIn
YouTube

Capa: Depositphotos