IT Recruiter: a profissão que é tendência no novo modelo de recrutamento das empresas

A área de tecnologia é uma das que vive em constante crescimento, principalmente porque muitas empresas compreenderam que precisam apostar em novos recursos, além de automatizar e otimizar determinadas tarefas do seu dia a dia. Atualmente, os profissionais de Tecnologia da Informação (TI) estão sendo cada vez mais cotados para dominarem espaços estratégicos nas instituições, mas, infelizmente, o número de desenvolvedores formados ainda não supera a alta demanda do mercado.

Segundo dados do Relatório Setorial de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), produzido pela Brasscom (Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais), até o ano de 2024, a demanda de profissionais de tecnologia no país será de 70 mil e, atualmente, por ano, o Brasil forma 46 mil profissionais com perfil tecnológico.

Por esse motivo, profissionais com diferentes qualificações tornam-se muito mais atraentes por empresas que almejam a transformação digital em seus processos. Um exemplo que se encaixa perfeitamente nessa categoria são os IT Recruiters ou Tech Recruiters ou IT Recruitment, especialistas no departamento de RH que recrutam e selecionam pessoas da área de TI. É ele o responsável por estar atento às novas tecnologias, buscando agregar eficiência e novidade ao método de recrutamento da instituição.

Para montar equipes de alta performance, é imprescindível que o IT Recruiter disponha de conhecimentos técnicos, com capacidade para transitar entre as áreas de RH e TI. Isso porque a demanda por profissionais do meio tecnológico está crescendo de maneira progressiva e é necessário que eles sejam selecionados por recrutadores que entendam a extensão de seu trabalho e o perfil do candidato.

Para aqueles que desejam atuar nesse setor, é necessário que busquem uma certificação na área de recursos humanos, ampliando seus conhecimentos em TI. O ideal é manter uma aprendizagem contínua em ambos os setores. Existem cursos de capacitação que podem ajudar na formação de um IT Recruiter.

São especializações que abordam desde o conceito básico de tecnologia até a forma de otimizar o processo de recrutamento e seleção. Outra dica importante é a constante atualização de tecnologias e tendências que estão surgindo no mercado, além, é claro, de construir uma rede de networking capaz de ajudar em sua carreira.

Para ficar de olho nas tendências de mercado, uma dica é acompanhar as comunidades e os canais em redes sociais relacionados ao tema, de empresas que são referência no setor. Ao se atualizar, é possível fazer um bom rapport durante a entrevista, conversando com mais propriedade sobre aquela stack da vaga. E ainda, amplia o pensamento estratégico.

Principais Frameworks e Bibliotecas que todo IT Recruiter precisa saber
Ter conhecimento de Frameworks e Bibliotecas torna-se imprescindível para fazer um processo seletivo mais alinhado. Um Framework é um conjunto de ferramentas e funções que serve como uma plataforma para a criação de um aplicativo completo. Ele abrange essas funções para que as Pessoas Desenvolvedoras possam se concentrar na solução de problemas relacionados ao seu domínio específico. No entanto, é um termo amplo – Frameworks diferentes, fazem coisas diferentes.

Já a Biblioteca é um conjunto de códigos com inúmeros recursos, em que é possível carregar somente aquilo que interessa. É uma ferramenta para o seu projeto. Um Framework, por exemplo, pode ser composto por várias bibliotecas.

Como IT Recruiter, é imprescindível entender o que são os Frameworks e quais são as mais comuns. Entre as mais populares, estão o React, o React-Native, Angular, Vue.js, Express, Django, Laravel, Ruby on Rails, Spring, ASP.NET.

É muito importante também que se tenha conhecimento das mais populares para conseguir ter uma boa performance em seu hunting e conversar com o seu candidato durante a entrevista. Isso permite não apenas se comunicar de igual para igual, como também ser mais ágil na identificação das skills técnicas.

Ser um IT Recruiter em Gestão de Pessoas

 

Por Fellipe Couto, CEO da Vulpi.