Muito se fala em como os colaboradores precisam criar uma relação saudável com o trabalho, que é essencial que gostem daquilo que fazem e, de preferência, dos colegas, e como a produtividade aumenta quando tudo isso entra em harmonia.

Porém, os benefícios de ter uma equipe feliz e engajada vão muito além, e podem ajudar até na criação de uma nova cultura organizacional para as empresas.

De acordo com um levantamento da Harvard Business Review, funcionários infelizes rendem 18% menos, causam 49% mais acidentes no ambiente de trabalho, geram 16% menos lucro e ainda são responsáveis por um aumento de 37% nas taxas de absenteísmo. Com esses dados, podemos afirmar que o setor de RH deve utilizar cada vez mais estratégias assertivas para garantir que o time esteja comprometido, trabalhando e se sentindo bem.

Para isso, ele pode usufruir de tecnologias e plataformas online para aprimorar sua gestão e incentivar a entrega de resultados melhores. Isso porque elas permitem mais oportunidades de atuação e de forma mais direcionada para os profissionais da área.

Com o início da pandemia de covid-19, que transformou não apenas os negócios, mas também a maneira como eles são executados, foram criadas e trazidas à tona diversas opções de treinamentos corporativos mais dinâmicos e lúdicos. Utilizam ferramentas baseadas na gamificação e o desenvolvimento de universidades corporativas, que são facilmente realizadas à distância, no estilo EaD, com conteúdos focados em tornar a equipe ainda mais qualificada e preparada para encarar os desafios do ofício.

Além disso, é sempre importante ter em mente que os colaboradores são, acima de tudo, seres humanos com diferentes nuances, necessidades e sentimentos. Em tempos como os que vivemos atualmente, de incertezas e preocupações com situações que muitas vezes estão fora do nosso alcance, uma iniciativa muito positiva é a disponibilização por parte da empresa de psicólogos que possam auxiliar os trabalhadores a manter uma boa saúde mental – o que, consequentemente, vai influenciar no trabalho desenvolvido por eles.

O uso de todas essas soluções pela área de recursos humanos contribui tanto para o sucesso da companhia, que de fato é beneficiada pelo maior rendimento do time, quanto para o bem-estar pessoal dos funcionários, que encaram sua vida íntima e profissional com mais leveza, caminhando para um ponto em que consigam equilibrar suas emoções, relacionamentos e objetivos de carreira.

E todo mundo sabe que pessoas felizes e competentes atraem outras com o mesmo perfil. Quando uma organização começa a chamar a atenção e a apresentar resultados significativos para o seu segmento, ela passa a se destacar perante a concorrência. A partir daí, a quantidade de profissionais querendo trabalhar ali aumenta.

Mas, se a cultura da empresa não for motivacional e engajadora o suficiente, e se o ambiente, virtual ou presencial, não for acolhedor e com perspectivas, os talentos desses colaboradores não vão ser extraídos como deveriam. E, para tanto a tecnologia tem sido uma grande aliada. Por isso, mais do que exigir produtividade, é preciso garantir que todos consigam realizar com excelência aquilo que se propõem a fazer. Se for com um sorriso no rosto, melhor ainda!

O poder de ter uma equipe feliz e engajada

 

Por Samir Iásbeck, CEO e Fundador do Qranio.